Sociedade

Acidente na zona da Cerâmica com óbito(s)

Três viaturas, sendo dois camiões e um transporte semi-colectivos, envolveram-se num acidente de viação na manhã desta quinta-feira(16) na zona da Cerâmica, cerca de 30km da capital provincial de Quelimane.

O acidente do tipo choque e despiste pode ter acontecido por causa das condições meteorológicas, visto que naquela zona, logo pela manhã é habitual registar-se nevoeiro. Sabe o Diário da Zambézia que até agora, foi registado um óbito no local e um número não especificado de feridos.

Foto: Idalina Patia

Notícia em atualização.

Zambézia: Proliferação de igrejas preocupa o governo

Nos últimos tempos, o país tem vindo a registar um movimento desusado de igrejas com vários nomes e cada uma seguindo os seus princípios. Porém, esta avalanche de aparecimento de igrejas também afecta a província da Zambézia, onde o distrito de Milange é tido como o topo mais alto onde se criam muitas ceitas religiosas.

O governo está preocupado com esta situação, apesar de reconhecer que algumas destas tem realizado acções como parceiros, mas não estão legalmente constituídas. A preocupação foi manifestada pelo directora provincial da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos na Zambézia, Josefa Ferreira, em entrevista da Rádio Moçambique.

Ver detalhes na edição impressa.

Consumo de ratex: Três raparigas entram nos hospitais por semana

O gosto pela vida tem vindo a ser ignorado e a coisa torna-se mais caricata quando são meninas ou raparigas que deveriam se concentrar em escola como forma de prosperar no futuro. Em Quelimane, o cenário é preocupante porque conforme dados do Hospital Geral de Quelimane, três raparigas dão entrada semanalmente naquele hospital com complicações resultantes do consumo de veneno.

Uma fonte médica explicou que as entradas tem sido de meninas entre os 15 aos 20 anos de idade e o veneno mais consumido é o ratex. A mesma fonte, sublinhou que a situação está causar imensas preocupações, visto que o ratex mata de forma rápida.

Ver mais na edição impressa

No Chinde: Descarga atmosférica mata uma pessoa

Uma pessoa perdeu a vida no principio da tarde deste sábado(11) no distrito de Chinde, sul da Zambézia, depois de ter sido atingido por uma descarga atmosférica.

Conforme soube o Diário da Zambézia de uma fonte familiar, o infortúnio deu-se por volta das 13horas, na zona de Chavunga, quando a vítima estava a caminho de casa e como a região regista chuvas intermitentes, eis que houve uma descarga e atingiu a vitima.

Refira-se que fenómenos como estes tem sido frequentes um pouco por toda província da Zambézia.

As aparências enganam: Jovem flagrada a roubar

Uma jovem de aproximadamente 26 anos, Delfina Gabriel da Cruz, por sinal estudante da Universidade Pedagógica, delegação de Quelimane, encontra-se presa, depois de ter sido flagrada a roubar bens diversos na noite da última sexta-feira, numa residência algures na cidade de Quelimane.

Conforme soubemos quer da polícia assim como do proprietário da residência arrombada, a jovem aproveitou-se da ausência do dono e daí, arrombou a casa, tendo levado televisor, computador, dinheiro e até comida que tinha sido comprada.

Entretanto, a acusada, neste caso Delfina nega tudo e alega que foi levar os bens em solidariedade a uma amiga, mas que não revelou nome da referida.

Ver mais detalhes na edição impressa