“Operários” perdem os primeiros três pontos em casa

Pela primeira vez desde o arranque do Moçambola-Zap, edição 2018, a turma do 1o de Maio de Quelimane perdeu os primeiros três pontos e desta vez, o carrasco foi o Chibuto Futebol Clube, treinado por Artur Semedo, que veio a Quelimane vencer 0-1 aos “Operários”, golo marcado por Jaita aos 43 minutos da etapa final, deixando assim para baixo todas esperanças da turma zambeziana em conseguir mais um empate. Desilusão total nas bancadas, visto que o 1o de Maio nunca tinha averbado derrota no seu reduto.

No geral, foi um jogo onde viu-se a maturidade dos visitantes que até notou-se no golo que foi bastante calculista, não permitindo que os donos de casa tivessem alguma manobra para empatar ou inverter o resultado.

Partilhe nas Redes Sociais

Submit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to StumbleuponSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Pela primeira vez desde o arranque do Moçambola-Zap, edição 2018, a turma do 1o de Maio de Quelimane perdeu os primeiros três pontos e desta vez, o carrasco foi o Chibuto Futebol Clube, treinado por Artur Semedo, que veio a Quelimane vencer 0-1 aos “Operários”, golo marcado por Jaita aos 43 minutos da etapa final, deixando assim para baixo todas esperanças da turma zambeziana em conseguir mais um empate. Desilusão total nas bancadas, visto que o 1o de Maio nunca tinha averbado derrota no seu reduto.

No geral, foi um jogo onde viu-se a maturidade dos visitantes que até notou-se no golo que foi bastante calculista, não permitindo que os donos de casa tivessem alguma manobra para empatar ou inverter o resultado.