Professores envolvidos na“clonagem” de cartões de banco

Um professor e um técnico afecto a direção distrital de Educação, Juventude e Tecnologia em Lugela na Zambézia, são acusados no envolvimento de clonagem de cartões de bancos dos seus colegas e em consequência, os mesmos terão conseguido sacar das contas, certa de 85 mil meticais. Deste valor, as autoridades policiais dizem ter conseguido recuperar 50 mil meticais, visto que os mesmos encontram-se detidos.

Ver mais detalhes na edição electrónica

Partilhe nas Redes Sociais

Submit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to StumbleuponSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn